18/05/2011

A atual musicalidade desmoralizante: O Clímax da recessão cultural



               É uma calamidade, chegamos ao clímax do absurdo! Mulher melancia, mulher moranguinho, mulher pêra entre outras frutas do nosso cotidiano! E agora mais uma mulher, a mulher bambu! Como o ser humano pode chegar a este alto ponto de degradação? Em vez de venderem a sua arte vendem parte de seus corpos se expondo ao ridículo! E as pessoas se influenciam por esse movimento de feira ambulante! Incentivam as crianças a cantarem e dançarem esse tipo de musica levando elas ao mundo da sexualidade precoce! Isso realmente é o cumulo! E eu não só falo desse funk carioca aonde se estende uma salada mista, falo de toda musica inapropriada. E vai em cima pega em baixo, sei lá o que da ram. Aonde isso é musica construtiva e bem elaborada? E a dança? Parece algo mais tribal, como se fosse uma dança de acasalamento! Não que eu seja uma puritana compulsiva, mas tenha do não é verdade? Isso esta mais para poluição sonora! E o hoje o meu estresses chegou ao limite quando o bendito vizinho camarada (para não dizer outra coisa) Me acordou com o som da “perereca roubada”. A medida agora a ser tomada é só orar por essa geração! Por se agora a musica é sobre as partes intimas das pessoas imaginem daqui a alguns anos!


Agradecimento especial a Nataniel, que alem de criar o titulo fez uma repaginada ortografica no texto!

5 comentários:

niel disse...

[:j] obg fiz apenas oq tinha de fazer além do mais a idéia central do texto aborda brilhantemente uma realidade cultural lastimável das "massas" que vai além de ser considerado um ultraje à valorização da nação brasileira! Abraços.

Juh Barreto disse...

huahauahuah tem que rir pra não chorar.
Ohhh linda, primeiro quero dizer que eu amei seu blog, adorei seu texto, achei muito inteligente e super maduro pra uma menina de 18 anos que poderia estar aqui exaltando coisas ditas como desta geração. Concordo plenamente com você, acho uma aberração da natureza algumas coisas que chamam de música e juro que não estava sabendo dessa tal de mulher Bambu. rsrs É demais.

Vou te esperar no meu cantinho e vou seguir seu blog, se gostar do meu faça o mesmo.

Beijocas

@JuhBarreto

www.territoriodemeninas.com.br

Thus disse...

dessa eu tbm nao sabia, mulher bambu! taca vez pior essa musicas de hoje, e eu como meu amigo niel, curtimos uma boa musica. O q eu odeiu e axo q ele e dona genesis tbm odeiam é quando entra akeles xatos no buzao sem o menor senso de noção e bota o celular pra tocar essa porcarias bem alto ¬¬ mas parabens geninha pelo blog bjao :k

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Bruno Siqueira disse...

A sociedade atual vive uma decadência nos valores sociais, religiosos e afetivos. Como bem explicou Dany-Roubert Dufour em seu livro "a arte de reduzir as cabeças". A mídia controlada pelos princípios neoliberais, acabam por influenciar 'as massas', criando um verdadeiro caos psicológico nos mesmo (chamado pelo autor de dessimbolização), Parafraseando Kant, o homem é um ser néoteno(incompleto), que não se pode finalizar-se por si só, sendo dependente de outro indivíduo para se complete.

Esclarecido esse primeiro ponto, fica claro a vontade subjetiva (para não dizer subliminar) das pessoas de reconhecerem e aceitarem tais ações e músicas outrora julgados pelo tópico.

Todavia, a cultura não pode ser objeto de analises, independentemente do quão baixo a julguemos, visto que ela é simplesmente, uma forma de expressão. O que caberia refutar, seria o nível de inteligência e a variedade de cultura que nossas escolas públicas e particulares proporcionam para a sociedade, assim como, os valores que a mídia estão passando para a nossa familiares, vizinhos, amigos. Mas isto seria um comentário para um próximo tópico. =)

Postar um comentário

Oi pessoas comentem a vontade, mas não use palavrões, fica super chato isso :/

18/05/2011

A atual musicalidade desmoralizante: O Clímax da recessão cultural



               É uma calamidade, chegamos ao clímax do absurdo! Mulher melancia, mulher moranguinho, mulher pêra entre outras frutas do nosso cotidiano! E agora mais uma mulher, a mulher bambu! Como o ser humano pode chegar a este alto ponto de degradação? Em vez de venderem a sua arte vendem parte de seus corpos se expondo ao ridículo! E as pessoas se influenciam por esse movimento de feira ambulante! Incentivam as crianças a cantarem e dançarem esse tipo de musica levando elas ao mundo da sexualidade precoce! Isso realmente é o cumulo! E eu não só falo desse funk carioca aonde se estende uma salada mista, falo de toda musica inapropriada. E vai em cima pega em baixo, sei lá o que da ram. Aonde isso é musica construtiva e bem elaborada? E a dança? Parece algo mais tribal, como se fosse uma dança de acasalamento! Não que eu seja uma puritana compulsiva, mas tenha do não é verdade? Isso esta mais para poluição sonora! E o hoje o meu estresses chegou ao limite quando o bendito vizinho camarada (para não dizer outra coisa) Me acordou com o som da “perereca roubada”. A medida agora a ser tomada é só orar por essa geração! Por se agora a musica é sobre as partes intimas das pessoas imaginem daqui a alguns anos!


Agradecimento especial a Nataniel, que alem de criar o titulo fez uma repaginada ortografica no texto!

5 comentários:

  1. [:j] obg fiz apenas oq tinha de fazer além do mais a idéia central do texto aborda brilhantemente uma realidade cultural lastimável das "massas" que vai além de ser considerado um ultraje à valorização da nação brasileira! Abraços.

    ResponderExcluir
  2. huahauahuah tem que rir pra não chorar.
    Ohhh linda, primeiro quero dizer que eu amei seu blog, adorei seu texto, achei muito inteligente e super maduro pra uma menina de 18 anos que poderia estar aqui exaltando coisas ditas como desta geração. Concordo plenamente com você, acho uma aberração da natureza algumas coisas que chamam de música e juro que não estava sabendo dessa tal de mulher Bambu. rsrs É demais.

    Vou te esperar no meu cantinho e vou seguir seu blog, se gostar do meu faça o mesmo.

    Beijocas

    @JuhBarreto

    www.territoriodemeninas.com.br

    ResponderExcluir
  3. dessa eu tbm nao sabia, mulher bambu! taca vez pior essa musicas de hoje, e eu como meu amigo niel, curtimos uma boa musica. O q eu odeiu e axo q ele e dona genesis tbm odeiam é quando entra akeles xatos no buzao sem o menor senso de noção e bota o celular pra tocar essa porcarias bem alto ¬¬ mas parabens geninha pelo blog bjao :k

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. A sociedade atual vive uma decadência nos valores sociais, religiosos e afetivos. Como bem explicou Dany-Roubert Dufour em seu livro "a arte de reduzir as cabeças". A mídia controlada pelos princípios neoliberais, acabam por influenciar 'as massas', criando um verdadeiro caos psicológico nos mesmo (chamado pelo autor de dessimbolização), Parafraseando Kant, o homem é um ser néoteno(incompleto), que não se pode finalizar-se por si só, sendo dependente de outro indivíduo para se complete.

    Esclarecido esse primeiro ponto, fica claro a vontade subjetiva (para não dizer subliminar) das pessoas de reconhecerem e aceitarem tais ações e músicas outrora julgados pelo tópico.

    Todavia, a cultura não pode ser objeto de analises, independentemente do quão baixo a julguemos, visto que ela é simplesmente, uma forma de expressão. O que caberia refutar, seria o nível de inteligência e a variedade de cultura que nossas escolas públicas e particulares proporcionam para a sociedade, assim como, os valores que a mídia estão passando para a nossa familiares, vizinhos, amigos. Mas isto seria um comentário para um próximo tópico. =)

    ResponderExcluir

Oi pessoas comentem a vontade, mas não use palavrões, fica super chato isso :/